• Informe-se
  • Notícias do MPT/AL
  • MPT entrega à PF impressoras multifuncionais e crédito de R$ 100 mil

MPT entrega à PF impressoras multifuncionais e crédito de R$ 100 mil

Ações do Ministério Público viabilizaram doação de recursos para unidade da Polícia Federal em Alagoas

Maceió/AL – O procurador-chefe do Ministério Público do Trabalho (MPT), Rafael Gazzaneo, e a procuradora do Trabalho Adir de Abreu promoveram, nesta quarta-feira, a entrega de 13 impressoras multifuncionais, no valor de total de R$ 25 mil, e mais R$ 100 mil em crédito para a Superintendência Regional da Polícia Federal em Alagoas. O dinheiro será usado na realização de obras e aquisição de mais equipamentos, que beneficiarão a atuação da força de segurança pública no estado. 

Segundo Gazzaneo, os recursos doados à Polícia Federal vêm de termos de ajustamento de conduta nos cursos de ações civis públicas que o MPT propôs em desfavor da usina Santo Antônio e da construtora Moura Dubeux por irregularidades trabalhistas. Além de adequarem-se às normas de jornada laboral, engenharia de segurança e medicina do Trabalho, as duas empresas acordaram em doar bens e valores, que foram revertidos para a unidade da PF em Alagoas e instituições de atendimento a segmentos vulneráveis da população alagoana.

“O Ministério Público do Trabalho tem o compromisso de reverter o dinheiro obtido em sentenças e acordos, sejam eles judiciais, sejam extrajudiciais, em benefício não só de entidades filantrópicas, como também de instituições públicas que prestam um grande serviço para a população, a exemplo da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal, Superintendência Regional do Trabalho e Emprego, Corpo de Bombeiros e tantas outras”, afirmou o procurador-chefe. 

O superintendente regional da PF, delegado de Polícia Rolando Alexandre Souza, recebeu os membros do MPT no ato de entrega que ocorreu no prédio-sede da força de segurança pública, em Maceió. “Essa é mais uma conquista de todos os que fazem esta Superintendência, em mais um passo rumo a outras etapas brilhantes para, no final de tudo, todos estarem em plenas condições de melhor servir à sociedade”, disse Souza.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Federal

 

Imprimir