• denuncias
  • peticionamento
  • protocolo
  • Mediação
  • mov procedimentos
  • autenticidade de documentos
  • administracao publica
  • fraudes trabalhistas
  • liberdade sindical
  • meio ambiente
  • promocao igualdade
  • trabalho escravo
  • trabalho infantil
  • trabalho portuario
    • Carrossel audiência pública coleta seletiva - 2022
    • carrossel-orientações
    • Coleta seletiva
    • usina-ascomCBMAL
    • Após novo contrato, cooperativas de coleta seletiva deverão atender 50 mil residências em Maceió
    • MPT determina instauração de inquérito civil para investigar explosão de tanque na usina Caeté (Foto: Ascom/Corpo de Bombeiros Militar de Alagoas)

    Após novo contrato, cooperativas de coleta seletiva deverão atender 50 mil residências em Maceió

    Com apoio do Ministério Público do Trabalho, novo edital será lançado ainda neste ano e permitirá que trabalhadores continuem sendo remunerados pela atividade; objetivo do MPT é que outros municípios de Alagoas adotem a iniciativa

    Maceió/AL - As cooperativas Coopvila, Cooplum, Cooprel Benedito Bentes e Cooprel Antares deverão realizar mensalmente, ainda neste ano, a coleta de resíduos recicláveis em cerca de 50 mil residências em Maceió. É o que prevê, inicialmente, um novo contrato a ser firmado entre as cooperativas e o município, com apoio do Ministério Público do Trabalho (MPT), e que aumentará a remuneração paga a trabalhadoras e trabalhadores pela atividade realizada nos bairros da capital.

    Imprimir

    MPT determina instauração de inquérito civil para investigar explosão de tanque na usina Caeté

    NOTA À IMPRENSA
    O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Alagoas determinou a instauração de inquérito civil, na tarde desta quarta-feira (28), para apurar as circunstâncias da explosão de um tanque de combustível na usina Caeté e que deixou dois trabalhadores feridos. A procuradora do MPT Cláudia Soares, que conduz o inquérito, notificou a usina a apresentar, no prazo de cinco dias, esclarecimentos e informações preliminares sobre o fato.

    O Ministério Público do Trabalho também está em contato com a Superintendência Regional do Trabalho e aguarda informações preliminares de inspeção realizada na usina por auditores fiscais do Trabalho, para a adoção das providências cabíveis.

    A Notícia de Fato autuada pelo MPT, que resultou na abertura do inquérito civil, está registrada com o número 001461.2022.19.000/4 - 14.

    Imprimir

    MPT convoca audiência pública sobre implementação da coleta seletiva pelos municípios alagoanos

    Objetivo também é debater a inclusão social e econômica de catadores de materiais recicláveis; evento acontecerá no dia 14/10, na Associação dos Municípios Alagoanos

    O Ministério Público do Trabalho (MPT) convida o público em geral para participar, no dia 14 de outubro de 2022, da AUDIÊNCIA PÚBLICA com o tema: Inclusão social e econômica de catadores de materiais recicláveis: implementação da coleta seletiva pelos municípios alagoanos.

    O evento será realizado às 8h30, no auditório da Associação dos Municípios Alagoanos (AMA). A AMA fica localizada na Av. Dom Antônio Brandão, 218 - Farol - Maceió/AL.

    Para saber mais detalhes sobre a audiência pública e seus objetivos, CLIQUE AQUI PARA ACESSAR O EDITAL.

    Imprimir

    Após iniciativa do MPT, Coruripe deverá lançar edital de coleta seletiva no município ainda este ano

    Ministério Público do Trabalho está atuando para incentivar a implementação da coleta seletiva pelos municípios alagoanos, como forma de garantir a inclusão social e econômica de trabalhadores que realizam a atividade

    Maceió/AL – Após uma iniciativa conduzida pelo Ministério Público do Trabalho (MPT), o Município de Coruripe, no litoral Sul de Alagoas, deverá lançar edital que permitirá a contratação de cooperativa de catadoras e catadores de materiais recicláveis para realizar os serviços de coleta seletiva na cidade. O objetivo do MPT é incentivar a implementação da coleta seletiva pelos municípios alagoanos, como forma de garantir a inclusão social e econômica de trabalhadores que realizam a atividade.

    Imprimir

    Ministério Público do Trabalho abre processo seletivo para estágio em Maceió e Arapiraca

    Estudantes de Administração, Comunicação Social (Jornalismo), Direito e Tecnologia da Informação poderão se inscrever até às 23h59 de 25 de setembro; estagiários receberão bolsa no valor de R$ 976 + auxílio-transporte

    O Ministério Público do Trabalho (MPT) em Alagoas abriu inscrições, nesta quarta-feira (14), para o processo seletivo de estágio nas áreas de Administração, Comunicação Social (Jornalismo), Direito e Tecnologia da Informação. Os estudantes poderão se inscrever até às 23h59 do dia 25 de setembro.

    Imprimir

    • banner pcdlegal
    • banner abnt
    • banner corrupcao
    • banner mptambiental
    • banner transparencia
    • banner radio
    • banner videos
    • banner podcast
    • banner trabalholegal
    • Portal de Direitos Coletivos